E isso que o camarada recebe pelo serviço!

Publicado: 16/07/2008 por BigDog em Extra!!! Extra!!!, Não há o que não haja!
Tags:, ,

Varrendo a sujeira para dentro do Arroio Dilúvio
Um grupo de garis fez ontem o que jamais se esperaria de profissionais responsáveis pela limpeza de Porto Alegre.
Os trabalhadores descartaram o resultado da varrição em pleno Arroio Dilúvio, já castigado pela imundice dos esgotos de uma parcela da Capital.
Imagens captadas pelo fotógrafo de Zero Hora Arivaldo Chaves comprovam o erro dos garis, que prestam serviço para o Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU). Eles foram fotografados por volta do meio-dia de ontem no cruzamento entre as avenidas Ipiranga e Erico Verissimo, no bairro Azenha. Usando uniformes da Cootravipa, empresa contratada pela prefeitura, eles despejavam sujeira dentro do Dilúvio. Carregavam com eles vassouras, carrinhos, pás e cones usados para sinalizar o trânsito nos locais onde varrem.
– Não podem fazer isso, está errado. Pretendemos notificar e multar a empresa – afirmou o supervisor de operações do DMLU, Adelino Lopes Neto.

É o final dos tempos, com toda a certeza. Então o camarada recebe um salário – baixo, com toda a certeza, mas ainda assim um salário – para realizar a limpeza da cidade e, com preguiça de empurrar o carrinho cheio até um local apropriado para o descarte do lixo coletado, simplesmente atira a sujeira no arroio, sem o menor pudor, em plena luz do dia e com todo mundo passando. Claro que a empresa deve ser multada, e em um valor muito elevado. Essas licitações por menor preço – ou maior ‘faz me rir’, você sabe do quê eu estou falando – acabam nisso: contratados absolutamente relapsos, certos que receberão sua parte da bolsa da Víúva no final do mês, prestando um serviço de qualidade duvidosa. Sim, porque se o gari é culpado pelo ato, também a empresa, que deveria fiscalizar o trabalho de seus empregados e esmerar-se para que ele se desse da melhor maneira possível. Mas não, contrato com o erário não é para ser cumprido, apenas (bem) cobrado. Como diria aquele comentarista de telejornal, “isso é uma vergonha”!

Anúncios
comentários
  1. Crânio disse:

    Como estou em estado de virulência raivosa, responderei que é apenas um dos atos já ensaiados no país, desde um presidente do supremo que ganha para julgar (e soltar) corruptos, passando por um sistema atual de liberações ambientais em que a Governadora é a responsável (deve saber muito sobre impactos ambientais). Resumo, é tudo uma encenação, em todos níveis da sociedade. Acho que a foto serve para reflexão de toda sociedade. Quantas sujeiras nossas jogamos no arroio da civilização e não estamos nem aí? Até alguém nos flagrar! Aí reclamamos que é falta de liberdade, falta de privacidade, que temos direitos adquiridos blá blá blá. É o tempo de purga da sociedade, lento e inexorável tempo de purga.

  2. BigDog disse:

    Cara, mesmo correndo o risco de cutucar o vespeiro, lá vou eu: tu já pensou de quem o presidente do STF recebe para soltar corrupto? Ainda mais um que anda ameaçando jogar de vez o excremento no ventilador. Quando tu, apesar de isentar incondicionalmente o barbudinho, afirmas que a encenação está em todos os níveis, eu começo a temer que estejas quase capitulando…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s