Aterro Sanitário da Sociedade Atual

Publicado: 07/06/2008 por Crânio em Um muito sobre nada...

Os meios de comunicação transformaram-se em caminhões de lixo. A cada momento nos brindam com seu carregamento de podridão social, apresentando a pequenez do ser humano em diversas formas, desde pais que matam filhos, ou que estupram filhos, passando por políticos envolvidos em desvios de verbas públicas, ou empresas privadas envolvidas com estes políticos. Temos ainda a preocupação com governantes que, com suas declarações, parecem querer uma guerra de grandes proporções a todo momento.

E ainda a programação normal das mídias, envolta em sexualismo e banalização do corpo, recheada de reality-shows que “encantam” seus telespectadores ao mostrarem um misto de inteligência e arrogância de seus personagens centrais vociferando contra seus súditos televisivos. Pobreza completa e irrestrita de itens que levem ao crescimento da sociedade.

Algumas pessoas acreditam que o melhor seria a volta da ditadura e a reinstauração da censura para acabar com estes políticos corruptos (?), para melhorar a programação das mídias, para direcionar o povo para o bem (??). Acredita-se que a melhor forma de expurgar o podre da sociedade é não permitir sua aparição. Mas esta podridão continuará existindo.

Divirjo deste ponto de vista. Nosso tempo atual é tempo de transformação e limpeza. Quando vamos fazer um faxinão em nossas casas precisamos colocar muitas coisas para fora das gavetas, deslocar as tralhas de lugar, remexer em muitas coisas. E nestes momentos descobrimos quantas coisas ruins temos guardadas, nos atrapalhando ou ocupando espaço desnecessariamente. E muitas vezes descobrimos muitas coisas (não achei vocábulo melhor para identificar algo genérico) boas escondidas, esquecidas, que podem e serão úteis em nosso dia-a-dia.

A incrível evolução tecnológica e de conhecimento dos homens não refletiu em evolução de postura social, e apesar de não suportar tal quantidade de notícias ruins, que denigrem a condição de ser humano, espero que estejamos passando por um faxinão na sociedade. E claro que não será simples e rápido este trabalho, pois somos 6 bilhões e tanto para termos nossos podres revelados e dissecados, para que nos demos conta de quanto ainda precisamos evoluir para que a designação sapiens tenha um cunho verdadeiro.

Depois da Idade Média, da Idade Moderna e da História Contemporânea, talvez possamos, num futuro próximo, definir o iníco do século 21 como Idade da Transformação. Ou então, como o Início do Fim.

Anúncios
comentários
  1. BigDog disse:

    Pode me chamar de pessimista, mas eu aposto no início do fim… Sacumé, depois que estoura a boiada fica difícil reunir de novo. Acredito que estamos rumando para o mais absoluto caos, com perda de todas as referências “boas” e “positivas” que alguns de nós ainda carrega, para viver no mais absoluto “foda-se”, e já havia escrito isso algumas elucubrações passadas. Não há mais respeito a nada, não há qualquer referência de certo e errado, pode tudo… Isso não vai acabar bem. Oxalá esteja errado e essa purga seja positiva para a sociedade, mas não aposto minhas fichas neste número…

  2. Felipe Wolfarth disse:

    O mundo vai entrar em colapso total: falta de alimentos, de água, de cultura, de respeito… E a gente vai ficar velho e não vai entender mais nada…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s