Vamos estar evitando

Publicado: 19/01/2007 por BigDog em Não há o que não haja!, Nem fodendo...

Uma das grandes pragas dos tempos modernos é o telemarketing, especialmente o ativo, aquela modalidade em que um empregado da empresa liga para os potenciais consumidores para estar oferecendo ofertas exclusivas. A menos que você tenha morado em Marte nos últimos anos, certamente já foi alvo desses contatos, e a maioria das vezes ficou sem voz diante de tamanha insistência do atendente, que repete ad nauseam os bordões estabelecidos pelas empresas. Eu, assim como você, já fiquei tentado a desfiar um rosário de impropérios contra a pessoa do outro lado da linha, mas refreei este impulso porque, afinal de contas, existe uma pessoa trabalhando e que absolutamente não tem culpa das tarefas que lhe são passadas. Por isso, desenvolvi algumas técnicas para evitar o ataque do telemarketing. Tenho que confessar que ainda não usei todas, mas as que apliquei fizeram efeito imediato, evitando maiores perdas de tempo, tanto minha quanto do atendente. Se você tiver mais alguma, por favor envie. Nunca é demais estar prevenido.

A) Puxa, ainda bem que vocês estão me oferecendo este cartão de crédito! Desde que meu cadastro foi parar no SPC e no SERASA, nunca mais consegui comprar nada. Espero que meu crédito pré-aprovado seja para um limite alto, porque preciso urgentemente tirar o pé do atoleiro.
B) Olha, eu já trabalho com um banco há muito tempo, mas estou considerando trocar mesmo. Meu gerente é muito chato e vive me ligando para reclamar de cheques, coisas assim. Não entendo muito como estas coisas funcionam, mas todo o mês eles ficam com quase todo o meu salário e eu continuo devendo. Será que eles ainda não perceberam que o que eu ganho é muito pouco e não cobre, de jeito nenhum, minhas despesas?
C) Eu entendo a intenção desta promoção, mas eu não quero ter um MP3 player, ainda mais de graça. Não adianta insistir, eu sei que esse negócio de música de computador é crime, todo mundo vive falando disto. Olha, se você insistir muito eu vou ligar para a polícia federal informando que vocês estão fazendo apologia ao crime!
D) Que bom, eu sempre quis viajar para o nordeste! Posso levar minha família? Sabe, eu tenho uma avó que sofre de gota e disseram que seria muito bom para a velha passar uns dias na praia, pegando sol. Ah, é só para duas pessoas? Não tem problema, a gente sempre dá um jeitinho. Na casa da minha tia lá no rio nós já dormimos entre 65 numa casinha de três cômodos. O meu menor, o Jamerson, é um piá pequeno e dá para levar ele no colo no avião…
E) Eu nunca vou entender! Uma outra empresa me ofereceu um cartão de crédito grátis e depois ficaram me aporrinhando para eu pagar o que comprei. Essas propagandas enganosas são demais! Tiver que ir no PROCON umas dez vezes e entrar na justiça com uma questã para ver se os caras paravam de me incomodar…
F) Yo no hablo su idioma… Soy un imigrante ilegal e my patrón foi a trabajar… Pero se usted espera yo voy a chamar my patroa que estay a degolar um pollo… Permesso…

Pegou o espírito, né???

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s